EM QUE CONSISTE MEDITAR?

     A meditação consiste no ato de diminuir a velocidade dos pensamentos, de forma que a mente se esvazie de qualquer lembrança (passado) ou expectativa (futuro), observando assim o silêncio mental. Podemos também nos focar em um elemento, como uma estátua religiosa ou a própria respiração.

Veja alguns passos para que você comece a meditar:

1. Antes de começar, encontre um local silencioso em que não vá ser perturbado.

2. Sente-se e feche os olhos.

3. Concentre-se na respiração, mas inspire e expire normalmente. Não tente controlar ou alterar a respiração deliberadamente. Apenas observe.

4. Ao observar a respiração vai ver que ela muda. Haverá variações na velocidade, no ritmo e na profundidade, e pode ser que ela pare por um momento. Não tente provocar nenhuma alteração. Novamente, apenas observe.

5. Pode ser que você se desconcentre de vez em quando, pensando em outras coisas ou prestando atenção aos ruídos externos. Se isso acontecer, desvie a atenção para a respiração.

6. Se durante a meditação você perceber que está se concentrando em algum sentimento ou expectativa, simplesmente volte a prestar atenção na respiração.

7. Pratique esta técnica durante quinze minutos. Ao final, mantenha os olhos fechados e permaneça relaxado por dois ou três minutos. Saia do estado de meditação gradualmente, abra os olhos e assuma sua rotina.

2. Qual a origem da meditação?

              A palavra meditação vem do latimmeditare, que significa voltar-se para o centro no sentido de desligar-se do mundo exterior e voltar a atenção para dentro de si. Historicamente, a meditação é uma arte ancestral, que remonta à origem do Homem. Não é originária de uma só cultura ou religião, mas sim praticada por diversas outras, onde recebeu nomes e diferentes interpretações. Atingiu o ápice no Egito, na Índia e entre os Maias. Apesar desta prática estar relacionada tradicionalmente a espiritualidade, pode ser praticada tanto como instrumento pessoal, fora de um contexto religioso.

3. Conclusão:

               Com esta pesquisa sobre a origem e a prática de meditar, observei que tal exercício independe da cultura, ou religião. Podemos praticá-la a qualquer momento, atingindo um estado profundo de relaxamento. Com nossa rotina muitas vezes conturbada, nos mantemos estressados e inquietos. A partir da meditação, conseguimos nos conectar consigo mesmos, descobrindo nossos erros e nos tornando mais equilibrados. Até fazer minha primeira meditação, acreditava que era um processo difícil, ficar sentada durante algum tempo sem pensarem nada. Mas através da prática, conseguimos facilmente relaxar e trazer o silêncio mental.

           Bibliografia:

http://www.infoescola.com/saude/meditacao/ (às 13h40m de 29/10/11)

http://site.suamente.com.br/tecnicas-de-meditacao/ (às 14h17m de 29/10/11)

Nome: Aline Silva de Paula   nº 01
Turma: 2104
Profª: Claudia
Ano: 1ª série